RJ constrói maior horta urbana do mundo

– e vai combater a fome de mais de 50 mil famílias com isso

Depois de abrigar a maior horta comunitária da América Latina, a cidade do Rio de Janeiro está prestes a bater mais um recorde: o município vai construir a maior horta urbana do mundo.

 Com 110 mil m² – o tamanho de mais de 13 campos de futebol oficiais! -, o espaço será, sobretudo, um aliado no combate à fome das cerca de 50 mil 

famílias em situação de vulnerabilidade que vivem em seu entorno.

Além de alimentar gratuitamente à população local com frutas, verduras e legumes frescos, a horta – que ficará localizada dentro do Parque Madureira,

 Na zona norte da capital fluminense – também promoverá empregos, ao capacitar e contratar moradores da região para trabalhar como agricultores urbanos nas plantações.

E tem mais: a estrutura da horta imitará um grande corredor ecológico verde, em homenagem à história da região,

Que no século 20 abrigou um corredor de plantações agrícolas entre os bairros Madureira e Honório Gurgel, dando origem a um dos grandes pontos turísticos do Rio de Janeiro:

 o Mercadão de Madureira, considerado o maior mercado popular do Brasil. Um memorial, batizado de Quilombo Agrícola Madureira, será inclusive erguido na entrada da horta para relembrar a história.

A iniciativa toda faz parte do programa Hortas Cariocas, da prefeitura do Rio de Janeiro, que mantém 49 hortas em comunidades vulneráveis e escolas públicas da capital fluminense e já foi, 

 inclusive, reconhecido pela ONU como essencial para o atingimento dos Objetivos Globais de Desenvolvimento Sustentável.

 Entre eles, o Objetivo 2, que até 2030 busca “acabar com a fome e garantir o acesso de todas as pessoas, 

Em particular dos pobres e pessoas em situações vulneráveis, a alimentos seguros, nutritivos e suficientes durante todo o ano”.

Segundo a prefeitura do Rio de Janeiro, a construção da horta do Parque Madureira será 100% concluída ainda neste ano de 2022, em um investimento de R$ 3 milhões

 E em dois anos deve atingir seu objetivo de garantir segurança alimentar às 50 mil famílias em situação de vulnerabilidade do seu entorno.

 Quem aí já está ansioso para vê-la pronta?