Brasileira de 8 anos é a pessoa mais nova do mundo a integrar programa da Nasa

Com 8 anos de idade, a alagoana Nicole Oliveira já tem na ponta da língua a resposta para o que quer ser quando crescer

e, cá entre nós, uma resposta que foge do convencional: engenheira aeroespacial.

A paixão por astronomia começou quando tinha 4 anos – sem qualquer incentivo da família, que pouco conhecia sobre o assunto.

Nicole pediu um telescópio de aniversário para seus pais e, superconsciente do valor do objeto, negociou ficar sem festas de aniversário para sempre para ganhá-lo.

Dali em diante, a paixão pelo cosmos e o envolvimento de Nicole com o tema só cresceram. Aos 6, ela começou um curso de astronomia para adultos na sua cidade e, aos 7,

Já identificou 7 novos asteroides no espaço com a ajuda de um programa de computador desenvolvido pela Nasa, em parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações do Brasil.

O envolvimento com a iniciativa já garantiu à menina o título de pessoa mais nova a integrar o programa da Nasa para descobertas astronômicas.

Caso os asteroides identificados por ela sejam, de fato, reconhecidos pela Nasa, um novo recorde será batido: o de pessoa mais jovem do mundo a descobrir um asteroide.

O processo de verificação já foi submetido ao sistema da Nasa e a resposta pode demorar até 8 anos para sair. Até lá, Nicole segue estudando o espaço e sonha em se tornar uma profissional

Capaz de garantir maior acesso à Ciência, Tecnologia e Astronomia para todas as crianças do mundo. Voa, Nicole!