Categorias: Mobilidade

São Paulo detalha meta de migrar frota de ônibus para energia limpa

Por ONU

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, disse na terça-feira (16) em visita à sede da ONU, em Nova Iorque, que governos locais brasileiros estão agindo para reduzir as emissões de gases de efeito estufa. Ele falou à ONU News paralelamente a evento que reuniu mais de 100 líderes de governos locais e regionais.

Para Covas, a maior cidade brasileira tem avançado em prol da ação climática, especialmente em áreas como transporte, água e espaços verdes.

“Eu vim aqui, em primeiro lugar, para mostrar o que a cidade de São Paulo vem fazendo — por exemplo, a mudança na frota de ônibus hoje movida a diesel, que nós aprovamos uma lei no ano passado, para que os mais de 14 mil ônibus sejam transformados em até 20 anos em ônibus movidos a energia sem emissão de CO2, sem emissão de óxido de nitrogênio e sem emissão de material particulado”, disse.

No evento, o grupo de gestores municipais reforçou que é preciso impulsionar os compromissos em todos os níveis para acelerar a ação e atingir as metas globais em nível local.

Nesta quarta-feira (17), os representantes encerram as exposições sobre como os governos municipais estão liderando a adaptação e a implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). A cidade de São Paulo esteve entre as primeiras a fazer a apresentação no evento.

Emissões

“As ações que a cidade vem desenvolvendo para reduzir as emissões de gases de efeito estufa reafirmam o seu compromisso com o Acordo de Paris (para o clima) e vêm aqui mostrar que, no Brasil, há uma voz dissonante. Há vários governos locais que estão agindo desta forma, para que a gente possa reduzir as emissões de gases de efeito estufa e reduzir a ampliação da temperatura na terra.”

O Fórum Político de Alto Nível de 2019 é organizado pelo Conselho Econômico e Social (ECOSOC). A meta é avaliar os progressos da Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável.

Sob o tema “Capacitar pessoas e garantir inclusão e igualdade”, o evento tem como foco seis ODS. O objetivo número 4 destaca a educação, enquanto o 8 aborda a ação em prol de empregos decentes e do crescimento econômico. O ODS 10 define metas sobre o combate às desigualdades.

O evento também analisa o ODS 13, que aborda a ação climática, o 16 sobre a promoção da justiça, das instituições e da paz, e o número 17 que promove parcerias e meios para implementar e alcançar essas metas.

Assista à entrevista:

Foto: ONU News/Reprodução

Redação

Também quer ver seu texto publicado no The Greenest Post? Entre em contato com a gente pelo e-mail colabore@thegreenestpost.com!

Compartilhe
Publicado por
Redação

Posts recentes

Cidade de SP adota tarifa zero para ônibus – e ainda aumenta frota e número de linhas

É isso mesmo: o sonho de ter transporte público de qualidade DE GRAÇA está prestes a virar realidade para os…

2 semanas atrás

Cidade de São Paulo assina compromisso global para prevenir poluição plástica

A Fundação Ellen MacArthur, em parceria com a ONU Meio Ambiente, divulgou relatório que aponta os avanços nos esforços globais…

2 semanas atrás

Mulheres catadoras são contratadas para coletar lixo plástico usado para fazer tijolos que constroem escolas na África

Sabe aquelas iniciativas que parecem amarrar todas as pontas para fazer do mundo um lugar melhor? A empresa Conceptos Plásticos…

2 semanas atrás

Casal de brasileiros recupera floresta do tamanho de mais de mil campos de futebol em MG

1.754 acres ou, para ficar mais fácil de entender, a área de 1.002 campos de futebol oficiais. Este é o…

2 semanas atrás

O artista de 9 anos que vende quadros para comprar ração para animais abandonados

Um garotinho de apenas 9 anos está usando seu talento artístico para levantar dinheiro e comprar comida para alimentar cães…

3 semanas atrás

Estudo aponta as 10 marcas que mais geram lixo plástico no mundo

Ele demora centenas de anos para se decompor, lota lixões, polui oceanos, chega a matar animais... O plástico é, indiscutivelmente,…

3 semanas atrás