Categorias: Mundo

Pratique cinco ações para um mundo sem fome

Por ONU

Com as mudanças extremas de temperatura, o impacto da mudança climática em nosso planeta e em nossas vidas não passa despercebido. A fome está em ascensão no mundo e as principais causas estão ligadas à variabilidade e aos extremos climáticos.

Condições imprevisíveis estão dificultando a produção dos alimentos necessários para uma população em crescimento, mas ainda há tempo para agir, segundo a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO).

Segundo a agência da ONU, é preciso combater as mudanças climáticas para que todos, em todos os lugares, tenham acesso a alimentos nutritivos, seguros, e suficientes. “É aqui que todo indivíduo tem o poder de fazer a diferença”, de acordo com a organização.

A FAO listou cinco ações que podem ser tomadas individualmente de forma a contribuir para a erradicação da fome em um clima em mudança:

1. Adotar uma dieta mais sustentável e diversificada

Uma vez por semana, tente comer uma refeição vegetariana (incluindo leguminosas como lentilhas, feijões, ervilhas e grão-de-bico) em vez de carne. Mais recursos naturais são usados ​​para produzir carne, especialmente a água.

Milhões de hectares de floresta tropical também são cortados e queimados para transformar terras em pastagens e campos para o gado. Ao diversificar sua dieta, você pode descobrir grãos “antigos” como a quinoa. Existem mais de 200 variedades de quinoa, todas adequadas a diversos climas.

2. Reduza o desperdício de comida

Todos os anos, desperdiçamos um terço de todos os alimentos que produzimos. Isso significa que também estamos desperdiçando os recursos (como água, mão-de-obra, transporte) utilizados para produzi-los.

Ao fazer compras, opte apenas pelo que você precisa, fazendo uma lista e criando planos de refeição para evitar compras por impulso. Precisamos ter cuidado com nossas sobras também. Elas podem facilmente serem jogadas no lixo, mas por que não congelá-las para mais tarde, ou usá-las como ingrediente em outra refeição?

Além disso, entenda a rotulagem dos alimentos, pois há uma grande diferença entre as datas “bom até” e “válido até”. Por fim, mostre um pouco de amor pelas frutas e legumes “feias” que poderiam ser desperdiçadas só porque não são perfeitas por fora. Não se deixe enganar, elas estão boas para o consumo!

3. Use menos água

A água é o ingrediente básico da vida e não podemos produzir nossa comida sem ela. Embora seja importante que os agricultores aprendam a usar menos água para cultivar alimentos, você também pode preservar a água reduzindo o desperdício de alimentos.

Quando você joga fora sua comida, você está desperdiçando os recursos hídricos que foram gerados. Por exemplo, são necessários 50 litros de água para produzir uma laranja! Você também pode desperdiçar menos água tomando banho e desligando a água enquanto escova os dentes.

4. Mantenha nossos solos e água limpos

Alguns resíduos domésticos são potencialmente perigosos e nunca devem ser jogados em uma lixeira comum. Itens como baterias, tintas, telefones celulares, medicamentos, produtos químicos, fertilizantes, cartuchos de tinta, etc. podem infiltrar-se em nossos solos e lençóis freáticos, danificando os recursos naturais que produzem nossos alimentos. E não se esqueça do plástico! Estima-se que um terço de todo o plástico produzido globalmente acabe em nossos solos. Reduza o uso de plástico para manter nossos solos limpos.

5. Apoie os produtores locais

Nossos agricultores são os mais atingidos pela mudança climática e precisam do nosso apoio mais do que nunca. Ao comprar produtos locais, você apoia agricultores familiares e pequenas empresas em sua comunidade. Você também ajuda a combater a poluição, reduzindo as distâncias de entrega de caminhões e outros veículos.

A mudança climática está colocando em risco os meios de subsistência de milhões de agricultores. Sem eles, não teríamos a comida em nossos pratos. Eles são nossos heróis da fome zero e precisam do nosso apoio. A segurança alimentar e as mudanças climáticas estão interligadas. As escolhas que fazemos hoje são vitais para um futuro seguro para a alimentação.

Foto: Foto: Banco Mundial/Scott Wallace

Redação

Também quer ver seu texto publicado no The Greenest Post? Entre em contato com a gente pelo e-mail colabore@thegreenestpost.com!

Leave a Comment
Compartilhe
Publicado por
Redação

Posts recentes

Aprenda a reaproveitar sementes e raízes para plantar horta em casa

Reaproveitar sementes de frutas e raízes de hortaliças pode ser uma boa opção para começar…

3 semanas atrás

Sede da Natura ganha usina de energia solar – total de 1.800 m² de painéis solares

Na vanguarda da sustentabilidade corporativa, a Natura anuncia a conclusão do projeto que instalou 1.800…

4 semanas atrás

Feiranabox: faça feira sem sair de casa com essa startup brasileira

Com a pandemia instalada no mundo, nada melhor que receber em sua casa feira com…

4 semanas atrás

Paquistão está contratando desempregados para plantar 10 bilhões de árvores

O governo do Paquistão está contratando pessoas desempregadas por conta da Covid-19 para trabalhar plantando…

4 semanas atrás

Startup brasileira desenvolve biorresina que substitui plástico, totalmente biodegradável

Reduzir o acúmulo de plástico no meio ambiente. Com esse objetivo, uma startup brasileira desenvolveu…

4 semanas atrás

Após 60 anos, vida marinha volta a ‘iluminar’ praia de Acapulco, no México

As belas praias de Acapulco, um balneário na costa pacífica do México, brilharam por luminescência…

4 semanas atrás