Categorias: Negócios

Feiranabox: faça feira sem sair de casa com essa startup brasileira

Com a pandemia instalada no mundo, nada melhor que receber em sua casa feira com produtos de qualidade superior ao que você encontraria no mercado ou na feira física, não é mesmo? Foi com o objetivo de facilitar o dia a dia corrido que Rodrigo Mendes, Eduardo Arakelian e Lucio Rodrigues, se uniram para criar a feiranabox, uma assinatura semanal que leva para sua mesa, frutas, legumes, verduras e ovos, diretamente do campo.

O negócio foi desenvolvido em 2018, mas foi em março de 2019 que a operação começou a funcionar. Depois de um ano de muito trabalho,os sócios já atingiram 1500 assinaturas e querem alcançar, até o final de 2021, 10 mil clientes. Com pouco tempo de operação, a feiranabox já passou da casa do milhão de faturamento, o que mostra que o serviço prestado é de qualidade e tem eficiência.

“Cada um de nós possui uma função importante dentro da empresa, eu trabalho com a parte do marketing e atendimento, o Eduardo é gestor responsável pela administração e financeiro, e o Lúcio é quem cuida da tecnologia e logística, presente no nosso site e nas entregas”, explica Rodrigo Mendes, diretor de marketing e atendimento da feiranabox

A feiranabox tem como objetivo mostrar que é possível ter uma alimentação saudável com produtos de qualidade, sem sair de casa. “Sabemos que a geração de hoje faz muitas coisas durante o dia, entre elas, estudar, trabalhar, fazer cursos, entre outras coisas, e a alimentação acaba ficando em segundo plano. Com a tecnologia ao nosso lado, a feiranabox traz a possibilidade de fazer todos os pedidos online e personalizado da forma que cada um preferir”, comenta Lucio.

Como funciona a assinatura
Tudo acontece por meio do site, que oferece dois tipos de planos para conseguir atender todos os tipos de público. O primeiro é o orgânico, que emprega sempre que possível métodos culturais, biológicos e mecânicos nos alimentos, sendo produzidos em sistemas que não utilizam compostos sintéticos ou transgênicos. O segundo é o premium, que usa tecnologias agrícolas saudáveis para trazer maior durabilidade do produto. Ambos com qualidade de primeira categoria, selecionando os melhores alimentos para seus assinantes.

Logo após a escolha do plano, começa a personalização da box, onde é possível escolher a quantidade de frutas, legumes, verduras e ovos que quer receber, e quais são as preferências, tudo da forma que mais gostar. Após essa etapa, o assinante decide qual o melhor dia para receber e pronto.

Após tudo definido, a equipe começa a preparar tudo com carinho e atenção para que os produtos escolhidos cheguem de maneira impecável na casa dos clientes.

“A feiranabox foi criada pensando em como poderia se destacar e trazer benefícios, logo, começamos a analisar. Todos os nossos recursos tecnológicos tem a premissa de descomplicar, para que a dinâmica do assinante seja o mais funcional possível. Possui frete grátis, é possível pular uma semana de entrega sem nenhuma cobrança, acompanhar todo o processo em tempo real, assinar sem fidelidade e cancelar quando desejar, sem burocracias”, conta Eduardo, gestor administrativo.

Além disso, a empresa se preocupa com a sustentabilidade, ou seja, todos os processos, desde o recebimento dos produtos até a chegada deles na casa dos assinantes são feitos e pensados no meio ambiente. Inclusive, a feiranabox é uma marca certificada pelo selo Eureciclo, que garante o investimento no desenvolvimento da cadeia de reciclagem, por meio da compensação ambiental em suas embalagens.

“Com toda essa situação que o país está enfrentando, com a pandemia do novo coronavírus, percebemos ainda mais a importância do nosso serviço. Com o isolamento social como a melhor medida de prevenção da doença, um dos lugares com maior aglomeração são os mercados e as feiras que não podem parar, mas com a feiranabox as pessoas podem evitar esse contato ou pelo menos diminuir a frequência com que vão a esses locais”, alerta Rodrigo.

Atualmente, a empresa atende nas cidades de São Paulo, Barueri, Campinas, Carapicuíba, Cotia (Granja Viana), Guarulhos, Mauá, Osasco, São Bernardo do Campo, Santana de Parnaíba, Santo André, Santos, São Caetano do Sul, São José dos Campos, São Vicente e Sorocaba. “Estamos trabalhando para conseguir aumentar nosso raio de entrega e, assim, conseguir oferecer o melhor para o Brasil inteiro”, finaliza Lucio.

Jéssica Miwa

Mãe do Gael, Googler, jornalista e cofundadora do The Greenest Post. Acredita em pequenas ações que podem mudar o mundo.

Leave a Comment
Compartilhe
Publicado por
Jéssica Miwa

Posts recentes

Telhados solares batem novo recorde no Brasil em 2020 mesmo com pandemia

Apesar da queda nas vendas durante os primeiros meses da pandemia, o mercado solar brasileiro…

4 dias atrás

O que a moda tem a ver com a poluição marinha?

Um aspecto da poluição marinha nem sempre tão difundido refere-se aos impactos da moda nos…

6 dias atrás

Projeto oferece oficinas de profissionalização para mulheres no Ceará

Neste mês celebramos o Dia Internacional da Erradicação da Pobreza, data para reconhecer a luta…

6 dias atrás

Fontes de energia renováveis estão cada vez mais baratas que o carvão

A consecutiva queda dos preços das tecnologias de geração elétrica movidas por fontes de energia…

1 semana atrás

Dia das Crianças: visite de forma virtual as exposições Planeta Inseto e Museu de Pesca

A restrição de visitas a museus devido à pandemia do novo coronavírus não impedirá que…

3 semanas atrás

Virada Sustentável chama atenção para volume de descarte de lixo provocados pelo consumo inconsciente

A 10ª edição da Virada Sustentável SP ocorre pela primeira vez em modelo híbrido: físico…

3 semanas atrás