Cidade planejada será 100% abastecida por energia solar e terá carros sem motorista como alternativa de transporte

Cidade planejada será 100% abastecida por energia solar e terá carros sem motorista como alternativa de transporte
04 maio 2016

Com um território cinco vezes maior que Manhattan, a cidade de Babcock Ranch, na Flórida, abrigará mais de 50 mil habitantes, mas apesar da alta densidade populacional sempre teve como objetivo preservar sua terra e planejar cada característica para ganhar o título de cidade mais sustentável dos Estados Unidos. Construída pela empresa Kitson and Partners, ela levou 10 anos para ser planejada e erguida.

No momento, estão construindo uma usina solar com mais de 350 mil painéis solares, que alimentará as residências de todos os moradores da cidade. “Durante o dia, 100% da energia elétrica será proveniente de fonte solar. Já de noite, haverá distribuição da rede abastecida por gás natural. Essa é a combinação de abastecimento mais verde dos EUA”, celebra Syd Kitson, CEO da empresa responsável pelo projeto.

Todas as casas possuem sistema de aproveitamento da água da chuva e são perto suficiente do centro comercial da cidade para que as pessoas não precisem ir de carro. As ruas são planejadas tanto para pedestres quanto para automóveis. Como alternativa aos ônibus, o transporte público oferecerá a possibilidade de usar a rede de self driving cars da cidade – carros autônomos, que funcionam sem motorista.

É mais fácil aplicar conceitos de sustentabilidade em uma cidade que está começando do zero. No momento a empresa responsável pela construção da cidade está conversando com uma parceira para criar o sistema de transporte e compartilhamento de carros da cidade, de acordo com a legislação do estado da Flórida.

Para Syd, isso fará total diferença no design das casas. “Com o sistema pronto, as pessoas perceberão que não precisarão mais de um carro e se perguntarão: ‘oque devemos fazer com a atual garagem?’”, acredita.

mata original e os cursos de água da região também estão sendo restaurados. Como consequência, os peixes, aves e plantas nativas voltaram para o local. Para preservá-los, 73 mil acres serão designados como Unidade de Conservação. “Se você me perguntar do que tenho mais orgulho, é disso”, declara Syd. 



Jéssica Miwa
Jéssica Miwa

Mãe do Gael, Googler, jornalista e cofundadora do The Greenest Post. Acredita em pequenas ações que podem mudar o mundo.

Observações

  1. Ótimo artigo Jéssica!!! É a evolução exponencial da tecnologia trazendo disrupção no mercado e inúmeras melhorias para a sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *