Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Câmara aprova projeto que proíbe centros de zoonose de sacrificar cães e gatos

7 Comments

  • Wil
    Posted 11/02/2017 at 10:07 am

    Muito bom, mas é preciso tirar isso do papel! Onde moro mesmo deve ter 30 cachorros que ficam amontoados perto de uma praça e saem rasgando sacos de lixo a todo momento e sujando calçadas. Além de se reproduzirem de forma impressionante. Mas pensando pelo lado da crise, não vai ser agora que atitudes serão tomadas por nossos “nobres políticos”.

    • Julio
      Posted 11/02/2017 at 1:27 pm

      Temos que fazer nosso papel, auxiliando seja com ações efetivas, ou caso não seja possível, através de doações, seja em dinheiro, rações, vacinas, etc. Os animais não têm culpa em se reproduzir ou revirar sacos de lixo. São animais, e como nós, querem suprir suas necessidades básicas, óbvio que à maneira deles. Não podemos, como em todos os segmentos, esperar sentados a solução por parte do poder público, que, se já é falha com relação à humanos, que dirá com relação aos animais. Quem ama os animais, deve agir!!!

    • Jorge Loureiro dos Santos
      Posted 09/04/2017 at 11:53 am

      Concordo que se deva proteger os animais. Minha pergunta é: e quem vai pagar a conta para tratar de animais (às vezes até melhor que os “SUSanos”? Se não tem dinheiro nem para pagas os aposentados,servidores públicos, e os trabalhadores privados (que parecem viver na ‘privada’ dos apertos de uma minguado salário mínimo? (ontem vi uma notícia (não a li) que o Eficiente Governo que temos, pretende dar um aumentão de “42 maravilhosos reais para o salário mínimo”_ não sou contra nenhum partido – menos o do LULa…Lá! Onde resido, há um barulhão danado de cães e gatos à noite. E esses animais doentes que infestam as ruas? “Isturdia” ano passado, assisti uma matéria onde pais de aluno9 das escolas de Porto Velho – capital de Rondônia – Amazônia, reclamavam que não tinha merenda para os alunos. Adivinhem o que o ‘nobilíssimo secretário da Educação respondeu? “Peço a compreensão dos pais e alunos. Vamos cuidar desse assunto!!! A fome pode ser compreendida? Será que os salários e benesses desses políticos estão atrasados? Será que tem algum político com seus salários atrasados? Será que há algum político aposentado sem receber sua aposentadoria: Tudo bem, que protejam os animais. Por que não chipar esses animais, e achando-os abandonados não se multem seus donos? Todo animal devia ter uma identidade para se localizar seus donos, em caso de maus tratos ou abandono! QUE TAL SE ESSES POLÍTICOS SE PREOCUPASSEM COM OS SERVIDORES E APOSENTADOS DO RIO DE JANEIRO?! QUE TAL SE RECUPERASSEM TODO A DINHEIRAMA DESVIADA PELOS CORRUPTOS?_ QUE TAL SE SE PREOCUPASSE MENOS EM “CUIDAR” DE LIVRAR A CARA DESSES POLÍTICOS CORRUPTOS QUE INFESTAM TODO O BRASIL?!_E SE HOUVER UM CÃO DANADO, MORRINHA, DIZENDO QUE É “A ALMA MAIS HONESTA DESTE PAÍS… QUE TODOS ESTÃO ACOVARDADOS – QUE QUER VER O MORO PRESO… vÃO CUIDAR DELE TAMBÉM?!!! -HÁ MUITOS ANIMAI SOFRENDO TODO TIPO DE MAUS TRATOS NESTE PAÍS (Considerando-se a Teoria da Evolução – afinal, não somos descendentes do macaco?)- Que se protejam os cães… quero ver de onde virão os recursos… SE NÃO QUEREM QUE OS BRASILEIROS TRABALHEM COMO ESCRAVOS!!! – Bah!!!

  • José de Queiroz Lima
    Posted 11/02/2017 at 8:25 pm

    Parabéns, para os deputados que aprovaram este projeto de lei, tomara que os nossos senadores aprovem esta lei.porque só assim os nossos animais abandonados e tão sofridos, tenham um pouco de amor pelos os humanos. Se todos nós contribuir-mos um pouco, eles vão sofrer menos.

  • Roberto Macedo
    Posted 11/02/2017 at 11:27 pm

    Beleza, mas como sempre quem vai fiscalizar isso!!! no Brasil já é difícil confiar nas fiscalizações(pessoas) imagine então sem…

  • Marcia Ap. De Souza
    Posted 12/02/2017 at 7:22 am

    Parabéns a todos os seres humanos que pensam na proteção dos animais ,Até que enfim uma causa importante está em pauta.

  • Antonio
    Posted 27/12/2017 at 6:33 pm

    Até que enfim uma solução mais digna aos animais. Quanto ao sacrifício, quem vai decidir quem vive e quem morre? Como fiscalizar e acreditar nessas mortes?

Leave a comment

0.0/5

Total
0
Share