Categorias: Ambiente

Agricultura biodinâmica: solução sustentável para os cultivos

A agricultura faz parte da história desde os tempos mais remotos. Com o passar do tempo, o homem desenvolveu novas técnicas para aprimorar a atividade, aumentar a produtividade e a quantidade de excedentes – que foram fundamentais para garantir a alimentação para a população que crescia de forma exponencial, além de que possibilitavam a troca e, mais tarde, a venda. Porém, com o passar do tempo, essas mudanças tiveram um grande impacto negativo no meio ambiente. Desequilíbrio ambiental, desmatamento das áreas para o cultivo, diminuição da biodiversidade, poluição atmosférica, dos solos e da água por conta do uso de maquinários agrícolas, adubos químicos e agrotóxicos, são alguns dos efeitos causados pelo avanço no setor.

Há anos o tema é pauta de discussão entre estudiosos, cientistas e ativistas, que buscam por soluções para plantios sustentáveis e em escalas menores. Para contribuir com uma convivência mais harmônica entre o meio ambiente e a agricultura, uma saída que melhor se destaca é o cultivo biodinâmico: uma prática agrícola que não usa químicos e que respeita o fluxo natural de crescimento da plantação e todos os fatores de influência, como estações do ano e fases da lua.

Hoje no mundo existem algumas empresas engajadas em promover esse tipo de cultivo, como por exemplo a Weleda, marca suíça de medicamentos antroposóficos e líder mundial em cosméticos orgânicos. Fundada por Rudolf Steiner em 1921, o mesmo criador da agricultura biodinâmica, a empresa carrega como um dos seus pilares a sustentabilidade e utiliza ingredientes naturais biodinâmicos em suas fórmulas. A marca conta com oito jardins próprios e mais de 50 fornecedores certificados ao redor do mundo onde são plantadas as matérias-primas. Localizado em São Roque, está o jardim da Weleda no Brasil, onde existe mais de com 200 espécies de plantas no total, sendo 40 para a produção de seus medicamentos antroposóficos.

Totalmente sustentável, esse tipo de agricultura acredita na totalidade do meio ambiente e entende que cada ser tem sua função. Por isso, em um único cultivo há várias espécies de plantas e animais. Livre de agrotóxicos, o adubo é natural e as plantas se misturam e garantem a vitalidade que o ambiente completo precisa. A conservação da biodiversidade, um solo forte e saudável e uma matéria-prima natural e de altíssima qualidade, são fundamentais para a agricultura biodinâmica.

Redação

Também quer ver seu texto publicado no The Greenest Post? Entre em contato com a gente pelo e-mail colabore@thegreenestpost.com!

Leave a Comment
Compartilhe
Publicado por
Redação

Posts recentes

Jardineiro “gangster” espalha plantações de alimentos nas calçadas de Los Angeles

Ron Finley tem um humor impecável ao falar de agricultura. Ele vem transformando o conceito…

24 horas atrás

Mergulho virtual nas águas de Belize ensina como proteger os oceanos

Por ONU Você gostaria de mergulhar nas águas caribenhas do Belize para aprender como proteger…

24 horas atrás

Como ter uma horta de temperos em casa? Aprenda a cuidar de 9 diferentes hortaliças!

O momento que estamos vivendo despertou o interesse de muitas pessoas por ter uma horta…

24 horas atrás

Amazônia registra recordes de focos de calor em julho

No dia 30 de julho, a Amazônia registrou mais um triste recorde: 1.007 focos de…

1 semana atrás

Supermercado comercializa hortaliças orgânicas produzidas em projeto social

Como forma de incentivar transformações positivas na sociedade, o Pão de Açúcar começa a comercializar…

1 semana atrás

Pessoas físicas agora podem contratar plano de assinatura de energia solar

Residenciais e produtores rurais mineiros poderão, a partir de agosto, contratar o serviço de Energia…

1 semana atrás