Agricultura biodinâmica: solução sustentável para os cultivos

Agricultura biodinâmica: solução sustentável para os cultivos
15 jun 2020

A agricultura faz parte da história desde os tempos mais remotos. Com o passar do tempo, o homem desenvolveu novas técnicas para aprimorar a atividade, aumentar a produtividade e a quantidade de excedentes – que foram fundamentais para garantir a alimentação para a população que crescia de forma exponencial, além de que possibilitavam a troca e, mais tarde, a venda. Porém, com o passar do tempo, essas mudanças tiveram um grande impacto negativo no meio ambiente. Desequilíbrio ambiental, desmatamento das áreas para o cultivo, diminuição da biodiversidade, poluição atmosférica, dos solos e da água por conta do uso de maquinários agrícolas, adubos químicos e agrotóxicos, são alguns dos efeitos causados pelo avanço no setor.

Há anos o tema é pauta de discussão entre estudiosos, cientistas e ativistas, que buscam por soluções para plantios sustentáveis e em escalas menores. Para contribuir com uma convivência mais harmônica entre o meio ambiente e a agricultura, uma saída que melhor se destaca é o cultivo biodinâmico: uma prática agrícola que não usa químicos e que respeita o fluxo natural de crescimento da plantação e todos os fatores de influência, como estações do ano e fases da lua.

Hoje no mundo existem algumas empresas engajadas em promover esse tipo de cultivo, como por exemplo a Weleda, marca suíça de medicamentos antroposóficos e líder mundial em cosméticos orgânicos. Fundada por Rudolf Steiner em 1921, o mesmo criador da agricultura biodinâmica, a empresa carrega como um dos seus pilares a sustentabilidade e utiliza ingredientes naturais biodinâmicos em suas fórmulas. A marca conta com oito jardins próprios e mais de 50 fornecedores certificados ao redor do mundo onde são plantadas as matérias-primas. Localizado em São Roque, está o jardim da Weleda no Brasil, onde existe mais de com 200 espécies de plantas no total, sendo 40 para a produção de seus medicamentos antroposóficos.

Totalmente sustentável, esse tipo de agricultura acredita na totalidade do meio ambiente e entende que cada ser tem sua função. Por isso, em um único cultivo há várias espécies de plantas e animais. Livre de agrotóxicos, o adubo é natural e as plantas se misturam e garantem a vitalidade que o ambiente completo precisa. A conservação da biodiversidade, um solo forte e saudável e uma matéria-prima natural e de altíssima qualidade, são fundamentais para a agricultura biodinâmica.



Redação
Redação

Também quer ver seu texto publicado no The Greenest Post? Entre em contato com a gente pelo e-mail colabore@thegreenestpost.com!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *