A menina de 13 anos que criou marca de óleo de maconha para ajudar pessoas doentes (como ela foi ajudada)

A menina de 13 anos que criou marca de óleo de maconha para ajudar pessoas doentes (como ela foi ajudada)
14 out 2019

Diagnosticada com câncer nos ossos com apenas 7 anos de idade, Rylie Maedle sabe muito bem o que é sentir dor de verdade – e também como fazê-la passar. Quando os ossos do seu rosto começaram a desintegrar por conta da doença, sua mãe, Janie, recorreu a um óleo feito de canabidiol, um dos princípios ativos da maconha, para lhe dar mais conforto.

O que ninguém esperava é que o tratamento não só amenizaria a dor da menina, mas também ajudaria a regenerar os ossos de Rylie e a diminuir suas convulsões. Ela voltou a sorrir e hoje vive para garantir que outros que sofrem com a dor – das mais variadas doenças – possam fazer o mesmo.

É que depois de passar por toda essa superação, aos 13 anos, a menina fundou a Rylie’s Sunshine, empresa que comercializa óleos de maconha, clinicamente testados, que amenizam sintomas de uma série de males. Entre eles, câncer, esclerose múltipla, esquizofrenia, aids, glaucoma, enxaqueca e artrite.

A garota, claro, não trabalha sozinha. Rylie atua junto com um produtor legalizado de cannabis, que fornece toda a matéria-prima usada para fazer os óleos que comercializa, além de um time de pesquisadores, que está sempre antenado em inovações para o tema.

Isso porque, se tem algo que a menina aprendeu em toda essa jornada, é que a falta de conhecimento é um dos principais inimigos da popularização do uso medicinal da maconha. Assim, antes mesmo de fundar sua empresa, Rylie criou a Fundação Rylie’s Smile, que investe em pesquisa e na conscientização da população sobre o tema.

A menina já inspirou até uma lei, no Estado de Delaware, nos EUA, que leva seu nome e garante que menores de 18 anos tenham acesso legal à maconha, quando qualificados para o tratamento. É ou não é uma pequena grande mulher?

Foto: Reprodução/Facebook



Débora Spitzcovsky
Débora Spitzcovsky

Cofundadora do The Greenest Post, Débora Spitzcovsky é especialista em Sustentabilidade, com foco em Comunicação, Voluntariado e Desenvolvimento Local

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *