1º voo do mundo movido a biocombustível de semente de mostarda supera expectativas

1º voo do mundo movido a biocombustível de semente de mostarda supera expectativas
31 jan 2018

O primeiro voo do mundo em avião movido a biocombustíveis aconteceu! Realizado entre Los Angeles, nos Estados Unidos, e Melbourne, na Austrália, em uma viagem que durou 15 horas a bordo do Boeing Dreamliner 787-9, o voo foi um sucesso.

O combustível utilizado foi composto, em cerca de 10%, por Brassica Carinata, um tipo de semente de mostarda. Em teste, a substância, misturada a combustíveis tradicionais, poupou a emissão de cerca de 39,683 quilos de CO27% a menos do que o emitido em vôos comuns.

LEIA TAMBÉM:
Aquecimento global pode aumentar em até 170% a frequência de turbulências em voos de avião

De acordo com a Qantas, produtora do biocombustível, um hectare de sementes de mostarda é capaz de produzir cerca de 2 mil litros do combustível sustentável. Ou seja, a fabricação da substância vale a pena! O negócio promete ser tão promissor que a fabricante já se comprometeu a produzir oferta suficiente para que todos os voos que saem de Los Angeles sejam movidos a biocombustível até 2020 – e ainda prometeu utilizar outras matérias-primas além da semente de mostarda. Aí sim! Sustentabilidade nas alturas!

Foto: Divulgação/Qantas



Mattheus Goto
Mattheus Goto

Estudante de Jornalismo da Faculdade Cásper Líbero, repórter na COP 23, estagiário no The Greenest Post e apaixonado por música, arte e histórias de vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *