Seis dicas para uma Páscoa mais sustentável

traditional Easter eggs
22 mar 2016

1. Presenteie com produtos artesanais e movimente a economia local
Já falamos outras vezes por aqui da importância de comprar de pequenos produtores e, assim, movimentar a economia localda sua cidade, bairro ou de comércios vizinhos à sua casa. Quem sabe esse ano não é uma boa oportunidade de presentear com um ovo artesanal?  Feito em casa por aquela sua conhecida que vende bombons de aniversário o ano inteiro, por alguém que se animou a começar o próprio negócio nessa Páscoa ou ainda pelo seu conhecido que tira os finais de semana nessa época do ano para ganhar um dinheirinho extra. Às vezes, investir o que você pagaria por um ovo de uma marca superfamosa em um negócio local pode gerar um impacto enorme. Comprar é sempre um ato político! Pense bem em quem você gostaria de empoderar também nessa Páscoa.

2. Prefira cacau de origem brasileira
Dar preferência à chocolates de origem brasileira é pensar em movimentar a economia local a um nível ainda maior, o nacional. Embora nem sempre se associe o chocolate ao cacau, a produção da fruta movimenta regiões cacaueiras do país e podem ser uma oportunidade ímpar para agregar valor nos sistemas de produção. O anuário do cacau de 2012 indicou que o Brasil é o sexto maior produtor de cacau do mundo e que os principais estados produtores (Bahia, Minas Gerais, Espírito Santo, Mato Grosso, Pará, Rondônia e Amazonas) possuem um sistema altamente sustentável voltado à agricultura familiar.

3. Faça você mesmo um presente de Páscoa especial
Presentear com algo feito por você mesmo é sempre um carinho a mais. Demonstra, por exemplo, que você doou tempo, paciência e cuidado por e para alguém. Separamos várias dicas para quem quer colocar a mão na massa nessa Páscoa. Não precisa se arriscar em fazer o chocolate, se não quiser. Quem sabe começar por uma embalagem personalizada?

Leia mais: Quatro dicas para uma Páscoa “faça você mesmo”.


4. Menos embalagens, mais amor
Personalizar os presentes e dar novos destinos a várias embalagens que iriam para o lixo (sejam sacos de pão, vidros, pets ou latas de leite em pó) é pensar na produção de resíduos e no real valor das coisas – as que são compradas e, sobretudo, as que são eliminadas porque estamos viciados em uma lógica do descartável. Menos embalagens, mais amor!

5. Evite produtos que apenas estimulam o consumo
Muitas vezes a escolha de determinados ovos de Páscoa ocorre única e exclusivamente pelo “brinde” – principalmente entre as crianças. Reflita se o que você está pagando vale mesmo o preço. Ou, ainda, onde os “acessórios surpresa” foram produzidos. Por quem? Em que contexto? Evitar os produtos que estimulam apenas o consumo é dizer não à um modelo insustentável de economia.

6. Troque o chocolate por um passeio em família
Até agora, falamos sobre dicas de presentes, mas a última é sobre presença. O almoço no domingo de Páscoa é tradicional em várias casas, mas que tal um piquenique, um café da manhã ao ar livre ou algum outro momento de interação que extrapole a troca de presentes e chocolates? Aproveite a data para colocar em prática os verdadeiros valores em jogo: altruísmo, superação, renovação. Feliz Páscoa!

LEIA TAMBÉM:
Nesta Páscoa, aprenda a plantar na casca do ovo
Vídeo mostra produtores de cacau da África comendo chocolate pela 1ª vez na vida



Eco Rede Social
Eco Rede Social

A Eco Rede Social tem como missão estimular, disseminar, compartilhar e realizar ações transformadoras que contribuam para o desenvolvimento pessoal e da sociedade na direção da ética, desenvolvimento humano e da sustentabilidade. Uma plataforma que converge artigos, atividades de financiamento coletivo, livros, cursos, palestras, consultoria e relações internacionais, promovendo as condições necessárias para que o maior número de pessoas com os mesmos objetivos, possam realizar seus projetos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *