Menino de 6 anos arrecada R$ 50 mil para ajudar crianças imigrantes que foram separadas dos pais

Menino de 6 anos arrecada R$ 50 mil para ajudar crianças imigrantes que foram separadas dos pais
10 jul 2018

Nas últimas semanas, o mundo se chocou com a notícia de que cerca de 2 mil crianças foram separadas de seus pais ao atravessarem ilegalmente a fronteira dos EUA. A falta de humanidade por trás da política de tolerância zero contra a imigração ilegal no país norte-americano indignou muita gente, mas poucos foram os que se propuseram a fazer mais do que simplesmente expor sua opinião nas redes sociais.

Não foi o caso de um pequeno garoto (cuja identidade foi preservada a pedido dos pais) de apenas seis (!) anos de idade. Depois que sua mãe, Shannon Cofrin Gaggero, contou a ele que famílias com crianças pequenas estavam sendo separadas na fronteira do México com os EUA, o menino prontamente sugeriu que sua família fizesse algo para ajudar.

E como? Vendendo limonada no quintal. A ideia partiu do próprio garoto, mas foi abraçada por toda família e vizinhança. Juntos, eles arrecadaram US$ 13 mil (quase R$ 50 mil), provenientes não só da venda dos refrescos em uma barraquinha na frente da casa, mas também de uma vaquinha que fizeram online – para que aqueles que estivessem mais longe também pudessem contribuir para a causa, que é mais que nobre!

Todo o dinheiro arrecadado foi doado para a entidade RAICES, que oferece serviços legais gratuitos para imigrantes e refugiados, a fim de que episódios desumanos, como o que aconteceu recentemente nos EUA, sejam resolvidos e, o mais importante, não mais se repitam.

Mas talvez a contribuição mais bonita que este pequeno grande homem de apenas seis anos de idade tenha deixado para o mundo seja a corrente do bem que se formou por conta da sua iniciativa. A atitude do garoto, que é da cidade de Atlanta, já inspirou muitas outras famílias de outras diferentes regiões dos EUA – tais como Califórnia e Geórgia – a fazer o mesmo e se mobilizar a ajudar as famílias de imigrantes.

Amor ecoa, não é não?  ♥

Foto: Divulgação



Débora Spitzcovsky
Débora Spitzcovsky

Débora Spitzcovsky é jornalista, formada pela Universidade Metodista de São Paulo e, desde o início da carreira, atua na área da sustentabilidade. Atualmente, é analista de comunicação sobre o tema na Duratex

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *