A fazenda urbana vertical que usa restos de alimentos descartados pela população para gerar energia

A fazenda urbana vertical que usa restos de alimentos descartados pela população para gerar energia
12 maio 2015

Prédios abandonados são desperdício de espaço e dos recursos que foram utilizados para construí-lo. Por isso, uma antiga fábrica de empacotamento de carne, que funcionava em 1920 em Chicago, foi transformada em uma fazenda urbana vertical.

O projeto, intitulado The Plant, ganhou o financiamento de US$ 1,5 milhão do Departamento de Oportunidades Comerciais e Econômicas. O dinheiro foi investido em um biodigestor que transformará restos de comida em energia para abastecimento local. Assim, as 27 toneladas de alimentos desperdiçados na cidade ganharão um novo propósito.

No total, o prédio abrigará onze produtores urbanos, incluindo uma fazenda de cogumelos, outra de peixes e também uma de galinhas. Além disso, terá espaços reservados para aulas, pesquisas e incubadoras de negócios sustentáveis por um preço acessível. A previsão é criar aproximadamente 125 empregos.

antiga-fabrica-vira-fazenda-urbana-gera-energia-limpa-Chicago_01

antiga-fabrica-vira-fazenda-urbana-gera-energia-limpa-Chicago_02

antiga-fabrica-vira-fazenda-urbana-gera-energia-limpa-Chicago_03

antiga-fabrica-vira-fazenda-urbana-gera-energia-limpa-Chicago_04

antiga-fabrica-vira-fazenda-urbana-gera-energia-limpa-Chicago_05

Fotos: Plant Chicago/Creative Commons



Jéssica Miwa
Jéssica Miwa

Mãe do Gael, Googler, jornalista e cofundadora do The Greenest Post. Acredita em pequenas ações que podem mudar o mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *