7 posturas de yoga que você deveria fazer todo dia

7 posturas de yoga que você deveria fazer todo dia
15 abr 2015

Os benefícios da yoga são inúmeros! A prática ajuda a aliviar o stress, melhora a memória e a concentração, corrige a postura e até ajuda as crianças a melhorar o desempenho na escola. O que você está esperando, então, para aderir à atividade?

Se sua desculpa é falta de tempo, pode providenciar o tapetinho porque, hoje mesmo, você vai começar a fazer yoga! O The Huffington Post selecionou 7 posições supersimples que você pode (e deve!) fazer todos os dias, sozinho. A atividade leva apenas alguns minutos, espaçados durante todo o dia, e os benefícios são inúmeros. Confira!

1. GATO-VACA
aprenda-plantar-na-casca-do-ovo-1
Esta é para fazer logo depois que o despertador tocar! A postura gato-vaca é a melhor forma de “acordar” toda a coluna após uma longa noite de sono. Comece de 4, na posição de um gatinho, depois arqueie a coluna e abaixe a cabeça, de modo que fique olhando para suas coxas. Respire fundo, traga a coluna de volta a posição inicial e olhe para cima, deixando a barriga cair. Repita quatro vezes.

2. CACHORRO OLHANDO PARA BAIXO
aprenda-plantar-na-casca-do-ovo-1
Depois da posição gato-vaca, é hora de fazer a postura do cachorro olhando para baixo para alongar costas, pernas e braços e, enfim, começar o dia com mais disposição. Comece de 4, na posição de um cachorrinho, erga o bumbum, estique as pernas e apoie os calcanhares no chão. Pedale os pés para “acordar” seus tendões e panturilhas. Respire, profundamente, três vezes nessa posição e depois retorne à postura inicial.

3. FLEXÃO PARA FRENTE DE PÉ
aprenda-plantar-na-casca-do-ovo-1
Esta é para fazer depois de uma longa manhã sentada no trabalho, para esticar as pernas e costas. Fique de pé e solte os ombros. Devagar, flexione o corpo para frente e vá descendo em direção aos dedos dos pés. Se não conseguir tocar o chão, dobre os joelhos. Se, ao contrário, tiver muita facilidade para fazer o exercício, dobre um joelho de cada vez, já com as mãos nos dedos dos pés, para dificultar a atividade e alongar os tendões. Volte à posição inicial, lentamente, e deixe para levantar a cabeça e pescoço apenas no final.

4. FLEXÃO PARA FRENTE SENTADO
aprenda-plantar-na-casca-do-ovo-1
Esta é para fazer logo depois do almoço para ajudar na digestão! Sente no chão, com os pés esticados e a coluna ereta. Vá deslizando às mãos, em direção às solas dos pés. Se não alcançá-las, dobre os joelhos ou repouse as mãos até a altura da perna em que consegue chegar. Respire, profundamente, três vezes nessa posição e depois retorne à postura inicial.

5. GUERREIRO 2
aprenda-plantar-na-casca-do-ovo-1
Bateu aquele sono no meio da tarde? Hora da posição Guerreiro 2: forte e energizante, ela vai te ajudar a sobreviver às últimas horas do trabalho. Faça a posição de partida do corredor e certifique-se de que seus pés estão alinhados. Devagar, gire o corpo, apoie o calcanhar do pé traseiro no chão, mantenha o joelho da perna da frente dobrado e suba os braços até a altura dos ombros. Olhando para frente, respire, profundamente, três vezes nessa posição e depois retorne à postura inicial.

6. POMBO
aprenda-plantar-na-casca-do-ovo-1
Esta é a posição mais difícil da série! Usada para liberar a tensão dos quadris, relaxar o corpo e desacelerar, ela é ideal para a noite, antes de dormir. Comece na posição do cachorro olhando para baixo (reveja a postura 2). Levante a perna direita e, sem encostá-la no chão, dobre-a, como se fosse sentar na posição de índio. Incline o corpo para frente até encostar a testa no chão. Se não conseguir, coloque uma almofada alta, em frente a você, para repousar a testa. Respire, profundamente, cinco vezes nessa posição e depois retorne à postura inicial, repetindo todo o movimento, de trás para frente.

7. CRIANÇA
aprenda-plantar-na-casca-do-ovo-1
Depois da posição do pombo, é hora da postura da criança para relaxar de vez e ter uma boa noite de sono. Comece de 4, na posição de um cachorrinho, e encoste o bumbum nos calcanhares, a medida em que abre os joelhos em direção às bordas do tapete. Vá descendo o tronco até encostar a testa no chão. Respire, profundamente, cinco vezes nessa posição e depois retorne à postura inicial.

Foto: Chris Preen/Creative Commons

Gifs: Reprodução/Damon Dahlen/The Huffington Post



Débora Spitzcovsky
Débora Spitzcovsky

Débora Spitzcovsky é jornalista, formada pela Universidade Metodista de São Paulo e, desde o início da carreira, atua na área da sustentabilidade. Atualmente, é analista de comunicação sobre o tema na Duratex

Observações

  1. […] com o pulso esquerdo, segure durante uma respiração e repita. Se quiser ousar, incorpore a posição do gato-vaca, arqueando as costas enquanto rotaciona os […]

  2. Engraçado. Não faço yoga. Nunca fiz. Nem uma só aula. No entanto, passo imenso tempo sentada e sinto a tensão no pescoço e nos quadris. E, de forma instintiva, tenho sempre feito as posições 1, 3, 4 e 7 para aliviar a tensão. Não fazia ideia que eram posições de Yoga. Isto para dizer que o Yoga só pode mesmo fazer bem, senão o corpo humano (neste caso, o meu) não procurava, de forma tão instintiva, estas posições como forma de alívio. Parabéns pelo artigo.

  3. Bom diaaaaa! Amei seu blog, seu post, o site inteiro. Parabéns!
    Estou indo para o meu segundo mês de yoga com instrutor,foi a decisão mais
    assertiva que ja tomei. Mas vou praticar todas essas também <3

  4. Qual o endereço desse instituto?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *